Filosofia Francesa: 10 obras fundamentais

Para aqueles que queiram conhecer melhor a filosofia francesa, selecionamos 10 clássicos de vários autores bem conhecidos. De Decartes a Foucault, passando por Pascal, Sartre, Derrida, etc. Confira:

Montaigne1. Montaigne

Michel de Montaigne (1533 – 1592) é autor de uma obra bem original, que dá início a um novo gênero literário-filosófico: Os Ensaios, publicado em 1580, é uma obra que ilustra bem esta característica do autor. Nela, Montaigne “ensaia a si mesmo”: faz do próprio eu seu objeto, realizando uma análise livre e crítica da sociedade e da cultura da época.

Para fazer o download do livro “Os Ensaios” de Montaigne – CLIQUE AQUI!

Rene-Descartes2. Descartes

René Descartes (1596 – 1650) inaugurou o racionalismo e a filosofia moderna. Sua obra abrange campos variados como matemática, filosofia, física e medicina. A máxima “cogito, ergo sum” (penso, logo, existo) foi o axioma sobre o qual René Descartes (1596 – 1650) fundamentou sua filosofia. O método de Descartes, denominado “cartesiano”, influenciou diversos pensadores. Sua obra  mais conhecida é Discurso do Método.

Para fazer o download do livro “Discurso de método” de Descartes – CLIQUE AQUI!

blaise-pascal3. Blaise Pascal

Blaise Pascal (1623 – 1662) foi um matemático, físico, inventor e filósofo francês. Na literatura, Pascal é considerado um dos autores mais importantes do período clássico francês e é lido hoje como um dos maiores mestres da prosa francesa. O conteúdo de sua obra literária é mais lembrado por sua forte oposição ao racionalismo de René Descartes.

Para fazer o download do livro “Pensamentos” de Pascal – CLIQUE AQUI!

Voltaire4. Voltaire

François-Marie Arouet, mais conhecido pelo pseudônimo Voltaire (1694 – 1778) foi um escritor, ensaísta e filósofo iluminista francês. Educado por jesuítas, o escritor começou sua carreira com peças de teatro. Dado a anedotas contra a realeza e a nobreza, conheceu, por isso, a prisão na Bastilha e o exílio de 3 anos na Inglaterra, onde conheceu as obras de Isaac Newton, Francis Bacon e Jonh Locke, que o influenciaram  fortemente.

Para fazer o download do livro “Dicionário Filosófico” de Montaigne – CLIQUE AQUI!

Jean-Paul-Sartre5. Jean-Paul Sartre

Uma das características mais marcantes de Jean-Paul Sartre (1905-1980) é sua versatilidade com vários tipos de texto, aliando conceitos filosóficos a ensaios e ficções. Não se pode, no entanto, separá-los do conjunto da obra sartreana. Romances contos, crônicas, crítica literária, jornalismo, análise política  e ensaios estão profundamente ligados, constituindo-se em maneiras diferentes de expressar o tema principal de sua reflexão: o homem.

Para fazer o download do livro “Existencialismo é um Humanismo” de Sartre – CLIQUE AQUI!

 6. FoucaultFoucault

Michel Foucault (1926 – 1984) procurou descobrir as estruturas subjacentes que determinam o modo de perceber ou pensar os objetos que aparecem na história de forma descontínua (cortes epistemológicos). As investigações que realizou sobre a arqueologia do saber e sobre a ordem do discurso constituem a base de seu pensamento filosófico.

Para fazer o download do livro “Arquelogia do saber” de Foucault – CLIQUE AQUI!

Simone-de-Beauvoir7. Simone de Beauvoir

Simone de Beauvoir (1908-1986) fez uma profunda análise de seu tempo e de sua própria vida, como em Memórias de uma moça bem comportada (1958) e A velhice (1970). Já em “O segundo Sexo” Simone de Beauvoir expõe com mais clareza alguns de seus posicionamentos  a respeito do mundo da filosofia e, principalmente das mulheres. Tratam-se de  questionamentos importantes no que se refere à posição/papel da mulher no mundo (inclusive na filosofia…) e , sua constante condição de “segundo sexo”.

Para fazer o download do livro “O segundo sexo” de Simone de Beauvoir – CLIQUE AQUI!

Felix-Guattari8. Félix Guattari

Félix Guattari (1930 – 1992) foi um filósofo e psicanalista francês. Entre os conceitos e noções criadas por Guattari estão: Transversalidade, Ecosofia, Caosmose, Desterritorialização, Ritornelo, Singularidade, Produção de Subjetividade, Capitalismo Mundial Integrado, etc. Tornou-se um dos principais percursores da Reforma Psiquiátrica e um dos destaques do pós-estruturalismo francês.

Para fazer o download do livro “Micropolítica – Cartografias do desejo” de Guattari – CLIQUE AQUI!

Deleuze9. Gilles Deleuze

Sua filosofia vai de encontro à psicanálise, nomeadamente a freudiana, que, aos seus olhos, reduz o desejo ao complexo de édipo (vide O Antiédipo – Capitalismo e Esquizofrenia, escrito com Félix Guattari), à eterna falta de algo. Muitas vezes, sua filosofia é considerada como uma filosofia do desejo… Uma filosofia da imanência absoluta, uma tentativa de romper as fronteiras do sujeito…

Para fazer o livro “Empirismo e subjetividade” de Deleuze – CLIQUE AQUI!

derrida10. Jacques Derrida

Jacques Derrida (1930 – 2004) foi um filósofo franco-magrebino, sua obra caracterizou-se pelo termo “desconstrução”. Levando ao extremo o contraste entre termos contrários, Derrida é invariavelmente levado à necessidade de criar e reelaborar novos termos capazes de superar toda a relação dialética simples que nos permitisse reduzir o pensamento à ordem do calculável.

Para fazer o download do livro “A farmácia de Platão” de Derrida – CLIQUE AQUI!

Arte, poesia e filosofia… Clique aqui e conheça nossa loja!
Prato-do-dia-Slide
Camiseta “Prato do dia”, para ver é só clicar aqui!
GOSTOU DESTE POST?
QUER RECEBER NOSSAS NOVIDADES E CONTEÚDO EXCLUSIVO EM SEU E-MAIL?
ASSINE NOSSA NEWSLETTER !

 

 

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s