Maquiavel | O príncipe em PDF, para download

O florentino Nicolau Maquiavel (1469-1527) foi o secretário da República de Florença entre 1498 e 1512 e desempenhou diversas missões diplomáticas em diferentes cortes italianas e européias. Em 1512, foi encarcerado pelos Médici. Considerado um dos “criadores” da ciência política,  em O Príncipe (1513), Maquiavel discute a essência do poder político, sustentando que a sociedade não pode existir sem ordem – algo que o príncipe deve garantir mediante sua ação política…

Distancio-me (…) dos métodos seguidos pelos demais e, sendo meu propósito escrever algo útil para quem ler, pareceu-me mais conveniente ir diretamente para a verdade da coisa do que para a representação imaginaria dela. Muitos imaginaram repúblicas e principados que jamais ninguém viu ou soube da existência. Porque há tanta distância entre como se vive e como se deveria viver, aquele que deixa de lado o que faz por aquilo que deveria fazer aprende antes sua ruína do que sua preservação. Porque um homem que queira ser sempre bom em todos os pontos, entre tantos que não o são, tecerá, necessariamente, sua ruína. Por tudo isso, é necessário, para um príncipe manter-se, que ele aprenda a poder ser mau e a usar ou não essa capacidade em função da necessidade.

Para fazer o download do livro – CLIQUE AQUI!

Arte, poesia e filosofia… Clique aqui e conheça nossa loja!

Nietzsche---Filosofia-e-exilio-pop.2
Camiseta “Filosofia e exílio”, para ver é só clicar aqui!
GOSTOU DESTE POST?
QUER RECEBER NOSSAS NOVIDADES E CONTEÚDO EXCLUSIVO EM SEU E-MAIL?
ASSINE NOSSA NEWSLETTER !

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s